| r e n o v a t i o n |   M O R S chapels

Trofa, 2015-2016

“Os Mortos têm apenas a existência que os vivos imaginam para eles”

J. C. Schmitt

Terá sido a este estado de consciência a que terá chegado o Padre Luciano Lagoa para se inquietar com o estado das capelas mortuárias paroquiais de S. Martinho de Bougado.

Pediu-me a reabilitação de duas capelas na cripta da Igreja e informou-me de que não dispunham dinheiro para a obra. A carência é de uma permanência dos nossos dias, não é, ainda assim, uma questão irresolúvel.

Trata-se de uma intervenção superficial ao nível dos  revestimentos e acabamentos interiores.

As capelas localizam-se em duas salas marginais, semienterradas, sem espaço exterior de recepção condigno, sem identificação e nem identidade. A importância da caracterização do espaço interior das capelas mortuárias permaneceu negligenciada, face à importância dos rituais que acolhem até hoje.

O actual espaço das capelas mortuárias é sombrio - são caves quase ausentes de iluminação natural (vale a pena pensar na luz).

 

Não sendo possível alterar todos os revestimentos, por evidências orçamentais, propõe-se pontuais cirúrgias plásticas para mitigar o problema. A intervenção procura suavizar os contrastes e reforçar a coerência formal e superficial das pré-existências:

- Mantém-se o pavimento e o mobiliário existente;

- Estucam-se paredes e tectos e tingem-se de um cinza quente;

- Oculta-se o lambrim de azulejo, com outro em madeira esmaltada;

- Esmaltam-se todas as carpintarias de um branco com gama de cinza;

- Corrige-se a geometria dos altares que se pretendem revestidos em tábuas de Pinho;

- Desenhamos o ambão, o pé do círio e as cadeiras pastorais, com base em duas cadeiras presidências do espólio paroquial;

- Reconfiguramos o altar como um bloco maciço de mármore Estremoz (sem ser);

- Nas salas introduz-se uma sanca de iluminação perimetral que reconstitui a ordem geométrica;

- Introduzem-se grandes manchas de tapete no centro de cada espaço;

- Reconverte-se o espaço de serviço de snack e bebidas.

- Identificam-se as salas e assinalamos as entradas com luz e mobiliário auxiliar.

"The dead have no existence other than that which the living imagine for them"

J. C. Schmitt

 

Maybe this state of consciousness left Fr. Luciano disappointed with the state of the parish S. Martinho de Bougado’s mortuary chapels. He asked me a rehabilitation of two chapels in the crypt of the church and informed me that they had no money for the work. The lack is a permanence of our days, there is still an non unresolvable issue.

 

The project is a superficial intervention at the level of the interior finishings.

The chapels are located in two marginal rooms of the church, half-buried, without a decent outside reception space, without any identification or any identity. The importance of the characterization of the interior space of the chapels remained neglected according to the importance of the funeral cerimonies.

The current state of the spaces is bleak – like  caves, almost absent of natural lighting (it's urgent thinking in light!).

 

As we were aware that was not possible to change all the coatings, due to the financial evidence, we were focused some precise plastic surgeries to mitigate the problem.

The intervention seeks to soften the contrasts and reinforce the formal and superficial coherence of the pre-existences:

- The floor and the existing furniture were maintained;

- Walls and ceilings were plastered and dyed a warm grey;

- The plank of tile was concealed with another one in enamelled wood;

- All the carpentries were enamelled of white with range of grey;

- The geometry of the altars was fixed covering with pine boards;

- We designed the lectern, the base of the candle and the pastoral chairs, based on two chairs presidencies of the parochial estate;

- We reconfigured the altar as a massive block of marble Estremoz

G A L L E R Y :

Rua João Paulo II, n. 615, Trofa, Porto, Portugal.

 t. +351 252 414 729   m. +351 933 205 481   e. noarq@noarq.com

© 2019, by NOARQ  |  no arquitectos lda

  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • LinkedIn - Black Circle